Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

PRIMINHA LINDA

Não irei mencionar nomes veridicos, meu nome é Elloi tenho 19 anos, moro numa cidade razoavelmete grande de um estado no norte do país.



Sou branco, cabelos negros, olhos castanhos esverdeados, tenho 1,70m e 65kg.

O relato a seguir ocorreu a pouco mais de um mês.



Tinha acabado de entrar de férias na faculdade e arrumado um emprego novo, quando uma prima minha veio até a cidade em que eu moro para fazer uns exames. Junto com ela vieram seu marido, sua filha Paula de 19 anos e sua filha caçula.



Por causa do maior conforto eles resolveram ficar em minha casa, minha mãe hospedou-os muito bem.



No primeiro dia em que estavam em nossa casa eu pude perceber como minha prima Paula estava linda (a ultima vez em que a vi ela estava com uns 4 anos), ela havia se "desenvolvido" muito bem. Loira, cabelos nos ombros com uma franja sobre o rosto, seios médios e durinhos, bunda redondinha e muito "apetitosa".



Na primeira noite (18h) em minha casa, minha mãe juntamente com os pais dela e a irmã caçula, sairam para a consulta da mãe da Paula.



Comecei então a conversar com a minha priminha, perguntei sobre a vida dela, como estavam todos os parentes lá. Apás algum tempo de conversa já não aguentava mais de tanta tesão, falei meio na brincadeira que estava louco pra beijar a boca linda dela.



Ela ficou meio sem graça, e eu começei a investir para tentar beijá-la, mas ela resistia incansavelmente, apás várias tentativas frustradas "desisti" de beijá-la. Vendo o meu desanimo ela me perguntou veio até mim e falou que me beijaria, quando estavamos quase nos beijando o pai dela que havia saido com um tio meu chegou, continuamos no computador, ele foi para o quarto assistir TV.



Ele havia acabado de entrar no quarto eu fui com tudo pra cima dela e acabamos nos beijando, começamos a ficar naquela noite, mas por causa da casa estar cheia de gente não havia encontrado opurtunidade para comer minha priminha.



Tanto ela quanto eu queriamos essa oportunidade, que acabou chegando na noite seguinte. Estava ocorrendo em minha cidade a feira agropecuaria anual que movimentava a cidade. Minha mãe conseguiu com uns tios meus ingressos para irmos à feira, mas não o suficiente para todos, fomos entaum Paula e eu para marcar o bingo.



Na chegada eu já falei em seu ouvido que seria ali que nos transariamos, ela suspirou e não disse nada, fomos então para trás do palco onde não havia ninguém, começamos então a nos beijar, o clima foi esquentando e logo eu estava com a mão em sua bucetinha linda, meus dedos começaram a passar lentamente sobre os lábios molhados de sua xaninha.



Nesse momento ela já não falava mais nada, apenas gemia, comecei então a aumentar a velocidade dos movimentos dos meus dedos e ela se contorcia toda chupando meu pescoço.



Sua vagina estava toda molhadinha e ela pedia para eu penetrá-la, retirei meu pênis para fora da calça e encostando-a na parede comecei um delicioso movimento de vai-e-vem, ela gemia e pedia para eu apertar seus seios que estavam durinhos.



Preocupados com a possibilidade de sermos flagrados naquela situação, fomos para um bosque dentro do parque de exposições onde haviam alguns bancos, sentei-me em um deles e bem devagar comecei a tirar a calça dela, abaixei toda a calça, e ela sentou sobre meu pênis latejante, ela cavalgava lentamente, mas com alguns picos de velocidade, entaum levantei sua blusa e comecei a chupar seus seios, ela apenas gemia e contraia a xaninha em volta do meu pênis.



Troquei então de posição, deitando-a sobre o banco com as pernas abertas (frango assado), penetrei a vagina "encharcada pelo tesão" que ela sentia e comecei a "bombar" com "violência", ela gemia tão alto que eu comecei a ficar preocupado com a chegada de alguem no local, mas ao mesmo tempo com muito mais tesão ainda.



Como estava sem camisinha pouco antes de eu gozar retirei meu pênis de dentro dela e então minha prima começou uma deliciosa punheta, eu me segurava ao maximo para não gozar e aproveitar mais o momento, alguns minutos depois eu explodi num delicioso gozo, nos beijamos mais e voltamos para a festa.



Voltamos para a casa, ela ainda continuaria em minha casa com seus pais mais uma semana mais ou menos, então eu tinha que comer minha priminha denovo.



Passou-se dois dias, era de tarde os pais dela haviam saido e minha mãe estava dormindo em seu quarto.



Fomos então para o meu quarto, tirei a roupa dela e comecei uma siririca em sua xaninha cheirosa, não demorou muito e o sumo começou a escorrer pelos seus lábios vaginais, tirei meu dedo de sua vagina e chupei aquele liquido divino, ela então me beijou vorazmente, lambuzei mais uma vez meu dedo naquele liquido e coloquei em sua boca que sugou tudo, deitei-me então na cama e ela sentou sobre meu pênis, começou com movimentos leves enquanto estimulava mais o práprio clitáris.



Levantei-me e mudei de posição, virei-a de constas, ela se apoiou na cama e arrebitou a bunda abrindo mais a bucetinha, comecei a introduzir meu pênis em sua xaninha por tras, ela apenas gemia se controlando para não gritar, comecei a "bombar" com toda a minha força.



Pouco tempo depois eu gozei mais uma vez, então nos vestimos e voltamos para a sala, ela foi embora para a cidade dela, e nás estamos namorando agora.



Não vejo a hora de eu ir pra lá e comer mais minha priminha linda.

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


contos eroticos de minha mae da buceta cabeludacontos eroticos dei meu cu pra todoscontos eroticos eu e mamãe fodidas na fazenda contos eroticos sequestroduas mulher chupando a b***** no Jordão baixo fazendo sexochantagem de filho contos eroticoszoofilia cachorro montando com forçafui forcada a chupar papaiusando uma calcinha pequena e morrendo de tesaicontos de mulher que fez depilacao para surpreender o maridocontos de cú de solteironacontos eroticos meu patrao me da leitinho dois dias na semana no motel e o meu marido nem desconfiacontos eroticos chantageando a menina arrogantecontos de cú de irmà da igrejaxoxota doce contosMeu marido que comer outracontos acordei e vi minha tia nuahomen dando cu para a gradeuContos eroticos sobrinho da rola grande e grossa pegou a tia e fes ela desmaiarcontos eroticos minha prima punheteiracontos de meninas que adoram ser estrupadas por todos dà casarelatos/erotico meu padrasto me dava banho e colocava no coloa magrelinha de rua contos eroticoscontos eroticos seduzi uma mulher e roubei elaFUDENDO A SOGRA DE MINI SAIA. CONTOContos negro fode maridocontos o corno sempre ligasogro pega jero efiliha trazado e come os dozbem novinha virgem chorando najeba gigante contoscontos eroticos agressivosnovod contos eroticos incesto orgamos titioConto tenho prazer em ser bundeiracontos eroticos de putas e putoscontos de homem comendo o cu do bêbado onto de encesto fui pega minha filinha no preme comeram contos teencontos eroticos dei pro namorado da minha irmavidios novinhas dos mamilps diros pontudosconto erotico pm macho batalhão estocadasminha irma fudeu com nosso cachorro conto eroticoensinei o meu enteado a bater punheta : contos eróticosZoofilia contos menininha chega do colégio animaiscontos eroticos morena na garupa da motoContos eroticos chantagiei minha enteadacontos de cú de irmà da igrejacontos-você vai devagar no meu cuzinhoMeu+irmau+arrombo+meu+cu+a+fosa+conto+eroticolingua passeando xoxotaeu e minha namorada na piscina contosirmãozinhos safadinhos fazebdo safadesaminha primeira punhetasou casada sedusi meu sobrinho contoscontos comendo mulher do amigo meia noitesou uma loira muito puta e liberada para os negros pauzudos contosContos eróticos gay Comido pelo Amigo do meu paitrai meu marido com um moto taxi contocontos bi eu e meu primo e minha prima meu primo gozo no meu raboconto fidi o cu da vovoconto erotico amigo babaca e cornocontoseroticossexogayCasei e virei puta contosdei para meu amigo conto eróticosconto erotico gay viado fica com medo da piroca do coroa e e fudido a forcacontos de meninas que adoram ser estrupadas por todos dà casalevou boquete da irmã caçula dis que gosta de chupartitio me fez gozar com shortcontos eroticos vi minha esposa chupando outrochupei os pezinhos da minha namorada contos eroticogozei na minha sobrinha conto eroticoconto gay com amigo da igrejaContos fui estud fud mãe e filhaTrai meu marido em um swing com a nayara e o fernando contos eroticoscontos eroticos venha ca sua puta safada,eu vou arrombar seu cu de cadelaconto erótico de mulher traindo marido com amigo taradocontos de sexo fisting objetosdei pra um estranho num baile e meu marido viu conto eroticofiquei com a buceta ardisa pela grossa rolacontos eróticos bumbum grande no ônibusConto Comendo menina marrentaContos eroticos comeco na infanciaconto xota cu irmãzinhaperdendo o sele o selo do cuDei pro meu tio estou apaixomada em contoscontos eroticos de irmã chupando pinto pequeno do irmão novinho de idadeNerdes gay contos eroticos