Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

A MORENA JAMBO - A MELHOR FODA DA MINHA VIDA

Minha histária começa no agitado carnaval de Salvador no ano de 1998, sou um baiano da capital, na época tinha 22 anos 1.83m de altura, peso 79kg, moreno claro, castanho, me chamo MARCOS e sempre que posso dou uma lidinha nos contos eráticos que me deixam realmente excitado. Estava na casa de uma coroa amiga da minha família e sogra de meu amigo, fazendo aqueles serviços que todo brasileiro faz em tempos de festa: pintura da casa reformas etc... . Estava muito suado e sujo de tinta devido as brincadeiras sacanas e ao clima gostoso de confraternização que se instalou, ajudado também pelas cervejas que nos relaxava. Nada demais aconteceria para quebrar a rotina se não fosse a chegada de NÉIA (diminutivo de seu nome que prefiro não citar), uma morena cor-de-jambo 3 anos mais velha que eu, de mais ou menos 1.65 de altura, + ou – 50 kg, cabelos negros de cachinhos pernas grossas, peitinhos, e uma paixão nacional de enlouquecer qualquer peão, sá pra povoar suas mentes, ela é muitíssimo parecida com a Rosiane Pinheiro, aquela dançarina da Gang do Samba gostosona que foi vice de Sheila Carvalho no concurso do tchan. Ela chegou perto cumprimentou a dona da casa e deu uma rápida olhada em mim, e em meus amigos, sem mais intimidades. Nesta noite minha mão, tampouco as de meus amigos tiveram sossego!!! (hehehehe) foi muita bronha que rolou na intenção da gata. No dia seguinte soube pôr uma amiga que ela havia perguntado como era meu nome e que queria me conhecer, aquela notícia me estremeceu, como consegui atrair a atenção daquela mulher?. Bem o fato é que fomos apresentados e convidados neste mesmo dia para um jantar na casa dessa coroa nossa amiga. Conversamos bastante e lá pelas tantas da noite sob efeito dos drinks, percebi um pouco mais de ousadia da parte dela que já começava a rir muito e a deixar louco a visão que tinha de sua xana sob a saia curta e justíssima que vestia, meu pau neste momento estava já estava soluçando, mas nesta noite nada demais aconteceu, nem nos dias em que se seguiram durante o carnaval. Passei três dias jogando papo mole em cima dela mas ela fazia jogo duro, usei então a tática do ciúme, agarrei a primeira gata que passou na minha frente uma paulista curtindo férias e carnaval em Salvador e mandei um chupão que deixava expostas nossas línguas, uma enroscada na outra ( carnaval na Bahia é assim: niguém é de ninguém) Néia então ficou puta da vida, decidiu ir embora mais cedo, melhor pra mim que fiquei na maior sacagem com a paulistinha que também era muuito gostosinha. Ficamos sem nos falar pôr exatos cinco dias louco pra poder chegar junto mais sem querer dar o braço à torcer, foi quando na noite que antecedia o dia da minha volta pra casa, estava eu voltando de uma de minhas farras noturnas certo que tinha sido a última do carnaval, lá pelas 3 da manhã quando a uns 100 metros de casa percebi na escuridão a silhueta de uma mulher, era Néia vestida em um macacão de lycra super justo que mostrava claramente todas as suas curvas, inclusive as dos seus lábios vaginas que me deixou maluco, ela veio à mim e falou com autoridade : -Voce não vai embora antes de ser meu ! fiquei sem voz, ela me agarou e chupou minha lingua quase que emgolindo, eu a enlacei pela cintura e com as duas mãos apertei e senti aquele rabo arrebitado, carnudo e durinho, ela gemeu ainda com sua boca colada à minha, ela então virou-se costas pra mim, pude sentir como sua xana estava meladinha enquanto ela enfiava a mão na minha bermuda e sussurava: ai ai como é grosso seu cacete!! Virou-se rápido e ajoelhada começou a engolir meu pau com dificuldade devido à sua grossura , e que delícia era ver e sentir meu pau enterrado em sua boca pequena e quente, que já estava cheia daquele líquido que lubrifica o cacete e escorria até em seu pescoço, meu quadriu fazia movimentos inconscientes de vai-e-vem eenquanto o resto do corpo estava totalmente travado... o gozo veio forte, o primeiro jato lhe desceu goela abaixo então tirei rápido, e passei a gozar ainda em seu rosto e seios , uma vez que adoro ver minha porra escorrer pelo corpo da minha parceira!. As pernas não resistiram, e caí sentado à sua frente com o pau semi-duro, e ela sussurava: - goza meu amor vai goza... em seguida ela se levantou e começou a fazer um streep-tease com a única peça que usava... jogou o macacão em no meu rosto e pude perceber que a área que escondia a aquela xoxota estava ensopada , entrei no clima de sacanagem e passei a lamber o caldinho da xana que estava no macacão enquanto ela enfiava os dedos na gruta meladinha, podia até ouvir aquele barulhinho gostoso que produzia, não aguentando mais fui de joelhos até ela passei a chupar e penetrar fundo a xaninha melada de Néia enquanto ela gemia baixinho, deitei de costas e ela agachou sobre minha boca deixando aquela xoxota e ainda o cuzinho expostos aos meus carinhos ... ela começou então a rebolar e esfregar a boceta em minha boca então ela gozou despejando aquele caldinho quente maravilhoso em minha cara, caiu deitada ao meu lado como que desmaiada, mas aí eu já estava mais aceso que nunca e me posicionei sobre ela oferecendo minha boca melada para ela que lambeu como uma cadela lambe os filhotes , enquanto meu pau rompia a entrada da xaninha meladíssima que facilitou a penetração ela então ergueu as pernas como um frango assado , fazendo assim entrar cada centímetro da minha rola , me abraçou forte e pediu gemendo: - vai bem lá no fundo meu macho vai! Atendi com muito tesão o seu pedido, e em pouco tempo estava gozando de novo, ela em seguida nun “AAAAAAAIII” bem prolongado gozou também... ficamos ali um pouco parados, eu sobre ela completamente encharcados de suor, respirando ofegantemente ... ela olhou no meu rosto , me deu deu um beijo, levantou, vestiu-se e saiu me deixando caído ao chão nú como um vagabundo sem rumo. No dia seguinte fui embora para minha casa , certo de que não mais a encontraria. Alguns meses depois encontrei-a novamente e a partir daí surgiu um relacionamento que durou 7 meses... 7 meses de pura sacanagem e fodas arrazadoras. Vou contar um pouco mais em outros contos, porque em um sá não dá! Tem a primeira vez que comi aquele cuzinho, que nunca vou esquecer... Nos dias atuais, Néia está frequentando uma igreja, e não faz aquelas putarias gostosas, eu estou meio que enrolado com uma garota de 15anos que me leva a loucura, mas nunca deixo de homenagear minha morena com umas bronhas em sua homenagem. Se vc gostou gostou de minha experiência mande-me um e-mail dando opnião que prometo responder: [email protected]

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS



contos lesbicos minha cunhada foi dormir la em casa seduzir etransamoscontos de meninas que adoram ser estrupadas por todos dà casapornosogrowww.contos de sexo cuidando da priminha minha vizinha nuaCasada viajando contosesposa na praia de nudismo passa lama contoconto travesti com menina virgemzoofilia com poneiContos gays o velho pedreiro de jumento me fez sua mulher e meu cu cedeu.contos eróticos transei com.menino de ruaConto erotico sobre vibradorDei minha buceta para meu genro na presença de minha filha contos femininoVI MINHA TIA SENDO FUDIDA POR DOTADO CONTOcontos minha mulher vendo meu tioconto de rasguei o cu da minha avóO pirralho do vizinho contosWww.contos.eroticos.mulher.casada.traindo.homem.caralhudo.egrossofilha q fode mas u pai gemeno di prazemarido chama primo pra tranzar com sua espozacontos eroticos medicocontos-gays fui arrombado por um bombeiro no motelRelatoeu meu amigo comeu minha esposa e eu mim dei mausem calcinha no barSou casada mas bebi porro de outra cara contosmenage biparticipei de uma suruba contosbrincando de casinha contos eroticosmeu amigo me comeu em casa contos eroticos gaycont erot irma carente e curiosaForçando a barra com cunhadinhaesposa e meu pai contotetas da sogra contosconto eróticos mendigo batendo punheta na rua da minha casaCHOREI NA ROLA DO GENRO CONTOex bem dotado contoconto erotico minha mulher me castigou no sexoeu tenho uma irmã muito gostosa eu tava me depilando e ela pediu para terminar depilaçãocpntos eróticos percebi que me olhavam e batiam punhetavideornpossa puta virgem chora através do pau grosso vídeo 3 minutosconto de sexo virei femea do meu paivi outro gozar na boca de minha mulher contoscontoerotico sou uma senhora peitao sou vagabundacontos eroticos dei meu cu pra todoscunhadinha humilhada contoconto erotico sadomasoquistacoto erotico de espoza puta na baladacontos eroticos real ex esposa de pastordeu o cu na quina da cama para o pai de uma amigaminha tia me fez um footjob contos eroticospeladas e melada de manteiga no corpo inteirotravesti zinha bem novinha gememdo muito na picaconto viadinho dadeiroeróticos ah ah aaaah chupa a minha bucetinha vai ah deliciaconto transei com meu pai na despedida de solteiraconto.eurotico.homem.ttazando.com.travetisrelatos eroticos de traicao consentidacontos eroticos de homens que vestem as calcinhas das esposas e saem com travesticontos eroticos de irmã chupando pinto pequeno do irmão novinho de idadeconto erotico chupando só a cabecinhacontos de coroa com novinhocontos eróticos não sei que fizcasada recebe proposta indecente contosdando bobeira de baby doll em dentro de casabuceta toda vabiada pornoEu vou arrombar essa sua xaninha sua putinha ninfetinha fanficpintelhos na transparencia das cuequinhasEnrrabei meu vizinho putinhaNovinha putinha bebada contoscontos em um assalto vorou surubatoquei uma punheta pro cara enquanto ele dormi relatosreais pornodoido transando com mulher peituda e fim de noite espíritacachorro lambendo bucetacontos eroticos cachorro cheirando minha rolaconto erótico sexo com violênciavisitando a cunhada casada mais velha contosContos eroticos com amigo do meu maridoContos meu marido tem fetiche por transexacordando com um boqueteconto erotico minha mae me ensinando a transarhistorias de zoofiliacomendo cu da geizielicontos gays com gémeoscontos bebadinhanovinha fodida por maduro contosconto erótico dei pro Negrão pauggconto erotico de menina virgem de sete anosenrabaram minha,esposa na piscina sem eu ver contos eroticoscanto erotico trai meu noivominha irma me deu sua buceta sm camisinha desabafocontos de loiras c****** trepando com negão estrangeiroa mãe e sua filha adotiva eu tirei as virgindades das bucetas delas conto eróticowww.mulher linda fazendo carinho pro cavaloficar de pau durocontp erotico comi a muie do meu amigo com ele dormindo contos eroticos pelos pubianos expostoscontos eróticos: gostosa não resistiucontos de siririca de mulher acima dos 60 anos