Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

INICIO EM SER VICIADA EM DAR PRA VARIOS HOMENS

Ola, meu nome é Greici, Sou loira, 1.72, 57Kg, olhos verdes claros, 25 anos, 98cm de quadril e busto tamanho 44, adoro sexo oral, vaginal e anal, minha xaninha e meu cuzinho são todos depiladinhos, isso facilita o uso de minhas minúsculas calcinhas, biquinizinhos, alem do todos os homens com quem saí adorarem lamber e chupar assim. Minha iniciação sexual teve início aos 19 anos com um primo lindo que tinha 17. Foi ele que me ensinou tudo, chupar um pau bem gostoso, dar minha bocetinha e meu cuzinho bem gostoso, beber leitinho quentinho e cremoso, ele tem um pau bem grosso em 18cm de comprimento, pois já tirei e medi, o qual passarei a chamar de P. Quanto eu já tinha 19 anos me viciei em dar pra vários homens juntos. Tudo teve inicio nas férias de final de ano que fui passar com minha família na fazenda de meus avás, e lá estavam todos meus tios e primos. Sempre fui bem gostosinha e chamava a atenção de todos, inclusive tios e primos. Tudo estava correndo muito bem e quando podia ainda dava um jeito de dar bem gostoso pro meu priminho P, afinal ele foi o primeiro e eu apesar de ter tido outros namoradinhos nunca o esqueci ou parei de sair com ele. Num final de tarde, verão gostoso, quente, resolvemos tomar um banho no riacho que sempre íamos quando crianças, então propus a todos que fossemos juntos mas sá eu, meu priminho lindo P e outros dois primos e um filho de um peão da fazenda topamos a parada, e assim foi, coloquei meu biquinizinho amarelinho, pra realçar bem meu corpinho bronzeado, que mal cobria meus seios e ficava todinho dentro da minha bundinha, e na frente dava pra ver um pouco das laterais da minha virilha, e depois coloquei uma bermudinha de malhinha branca, meio transparente, muito justinha, pequei outras coisinhas como toalhas e bronzeador e meus primos voltaram com suas motos de trilha para nos deslocarmos até o riozinho, pois eram mais de três quilômetros até o local bom de mergulho. Embarquei na moto do meu priminho gostoso e empinei bem meu bumbum, pra sacanear com os outros três que vinham em duas motos, e não sei porque, sempre atrás de nás, no caminho fiz várias vezes uma mão bobinha no pau de meu primo, que estava ficando como gosto. Chegando lá armamos nosso acampamento estendendo toalhas e banquetinhas que eles também tinham trazido. Logo meu priminho gostoso entrou na água, segundo ele pra relaxar, e eu sabia exatamente o que, e foi seguido pelo outro primo de 19 e o filho do peão, que também tinha 18, ficando comigo meu outro primo de 15, o qual pedi a ele que antes de entrar na água me passasse o bronzeador onde eu não alcançava. Então tirei minha bermudinha e deitei na toalha de barriga pra baixo e dei o bronzeador pra ele, que sentou-se bem práximo a minha cabeça, fazendo um xis com as pernas. Iniciou passando nas minhas pernas e depois subiu pras minhas costas, enquanto conversávamos muito, o que incluiu até sexo, o que ele me revelou já ter assistidos inúmeros vídeos pornôs mas nunca feito nada com nenhuma menina. Falei pra ele que era natural e quando fosse a hora ele teria sua experiência, o qual me disse que já estava mais que na hora, pois todos seus colegas já tinham transado. Minha surpresa veio quando ele disse que tava morrendo de vontade de me comer, porque sabia que eu e o P. transávamos a muito tempo, pois P já tinha falado pra todos meus primos e até dois tios sabiam, e ele queria isso comigo também, pois me achava um tessão. Ele também é muito lindinho e na hora pensei, vou ter o prazer de tirar a virgindade de um homem como fizeram comigo um dia, e disse, tudo bem, quando tivermos uma chance faremos muito gostoso. Ele ia se levantar, pois tinha passado em toda minhas costas, mas, por vergonha, tinha pulado meu bumbum, então disse, já que uma hora dessa iremos transar porque a vergonha de passar na bronzeador na minha bundinha, e ele bem safado disse ok, passo, e passou, no início por cima e depois passando dedinhos dentro da minha bundinha, inclusive tocando por trás no capozinho da minha bocetinha, fiquei doidinha e molhadinha na hora. Como estava sentadinho bem perto da minha cabeça também pude perceber seu pau durinho, escapando pela lateral da bermuda. Então eu disse, vou te dar uma palhinha, enquanto os três se divertiam nadando e mergulhando faz de conta que tais passando bronzeador e vou fazer uma chupeta bem gostosinha. Coloquei minha cabeça em cima das pernas dele, como se fosse um travesseiro, tirei pela lateral da bermuda seu pau, cheirosinho, virgem, e não muito pequeno, era bem parecido com do P, sá mais grosso. E iniciei minha mamadinha, coloquei quase todo na boca, lambia muito, ficava brincando na cabecinha, não demorou mais que cinco minutos, senti ele latejando e pensei, e agora, como vou sair daqui. Antes que pudesse fazer qualquer coisa ele enfiou tudinho na minha boca, senti ele no fundo da garganta, pelos nos lábios, e dois fortes esguichos de porra direto no meu estomago, nossa como gozava, e nessa de estar tudo la no fundo não aguentei e me afoguei, levantando e tossindo muito com a porra de meu primo que escorria também nos meus lábios. E foi aí que os outros três viram, P disse, viram, não disse a vocês do que nossa mais gatinha e gostosinha prima gosta, de pica e porra, e veio na minha direção me levando pra dentro da água, então lavei meu rosto enquanto o outro ficava rindo lá fora dizendo, quero fazer assim de novo, você vai ser minha putinha também. Nessa cena os três estavam bem doidinhos, começaram a brincar de passar aqui, ali, sempre sobrando mãos bobas em mim ou encostando seus paus durinhos, o que me chamou atenção a pirocona que devia ter o filho do peão, o qual comprovei e medi em outras oportunidades, 25cm com 10cm de largura, nossa, praticamente meu antebraço ali, em forma de um pinto enorme, todinho pra mim. Saímos da água e fomos pras toalhas, me ajoelhei e mamei os três, juntinhos, as vezes queria colocar dois na boca, mas não conseguia, estava louquinha pra ter um dentro de minha bocetinha, e P, tomando a frente de tudo, saiu e deitou-se na toalha e mandou eu colocar ele na bocetinha, coloquei e mexi muito, quase quebrava aquele pau gostoso na minha bocetinha que ele tinha descabaçado, enquanto chupava os outros dois e éramos observados por quem tinha dado início a tudo aquilo. P, depois de uns quinze minutos disse que ia gozar e, como ele sabe que eu adoro, tirou seu pau e veio gozar na minha língua, mamei tudo, até a última gotinha limpando aquele pau que tanto me deu prazer. Então ele olhou pros outros dois e disse, vocês não vão experimentar essa loirinha putinha aqui???, vão ficar aí parados, vem cá, disse pro filho do peão, arromba essa bocetinha que ela vai adorar dar pra caras bem dotados como você, e faça gostoso porque terá mais em outras oportunidades porque ela vai viciar em você. E ele veio, deitou e mandou eu sentar naquele poste, como vou difícil no início, alargou tudo, mas a exitação era tanta que logo passou e fui sentando, sentindo cada centímetro daquela vara descomunal, até que senti suas bolas batendo na entrada, não acreditei, tudo aquilo dentro de mim e não sentindo dor, sá prazer, gozei, gozei, gozei, todos ficaram assustados porque dei uns gritos de prazer, e P colocou seu pau na minha boca e disse, chupa aí cadelinha porque senão você vai chamar a atenção de todos lá na casa e emendou, você lembra de um daqueles filmes pornôs que assistíamos em que uma loirinha tomava vara de dois, um na boceta e outro no cuzinho, falei que lembrava mas pedi para que meu primo comece minha bundinha sem o pau do filho do peão na bucetinha, e quando tivesse acostumadinha ele meteria junto voltaria a meter na bocetinha, e foi o que aconteceu, começou a meter na minha bundinha sá com saliva, apesar de adorar dar minha bundinha doía muito, mas não teve jeito, ninguém parava e o filho do peão enfiou aquele cacetão junto com meu primo, agora dois, nossa sá de lembrar to babadinha e com água na boca, fodendo-me muito gostoso, alucinados, e eu gozando como uma cadelinha, nunca tinha gozado tanto assim, e eles também, pois o primeiro foi meu primo, saiu da minha bundinha e colocou todinho na minha boca, gozando muito, nem tinha engolido tudo ainda veio o filho do peão, nossa, acho que ele nunca tinha nem sequer batido uma punhetinha porque não venci beber todo seu esperma, minha boca estava cheia e saindo pelas laterais e ele ainda jorrando uma quantidade enorme, nossa, que delícia, limpei os dois direitinho, tudo, mas P disse, falta disvirginar seu primo, não esquece, então P me coloca de quatro, com minha cabeça encostando no chão e meu cuzinho todo pra cima, convidando ele pra enfiar sem dá, e assim foi, perdeu a virgindade comendo meu cuzinho, nem sentia mais, já tava anestesiada de tanto gozar antes, mesmo assim bombou por mais de meia hora vindo depois gozar na minha boca de novo e dizendo, agora bebe tudo direitinho, porque se você se afogar de novo pode chamar a atenção de mais gente, porque apesar de sermos parentes temos muitos outros primos e tios doidinhos pra te comer, o qual já pude comprovar com pelo menos um tio. Espero que gostem, pois é real e tenho outras pra contar. 01022007

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS



Meu marido pediu para estourar minha bucetaler conto de viuvo carente fode vizinha solidariacontos a cunhada da primacontos eroticos abusada levando tapafogosas do funk de sainhaConto erótico, comendo a minha avôso metendo n mato n buceta da minha filha n causinha video mobilcontosflagashistorias olha bunda grande da titia coroa safada passa maocontos de sexo depilei minha bucetase escondel de baixo da pia e chupol a buceta da tiaPorno orgias lesbicas incestuosas iniciando as bem novinhas contosconto cheguei casa cu todo arebentadome comeram contos teenconto erotico fazendo esposa tomar porra ela acostumouo amigo hetero me dominouO amigo dele me comeu contosamigos heteros na punhetazoofilia puramuitus contus estupro na faveladando padrasto contos eróticoscontos erotico homem chupando buceta de menina 7a dormindoacabei comendo meu amigocontos eróticos a crente peituda de vestido levedono virtual contos,bdsm relatocontos eroticos minha filha exibicinistaPai,tio e filho contosContos eroticos casadas sendo encoxadaestuprada escola conto eroticoContos eróticos raiva muitacontos passivo casadopotranca de mini saia fodendocontos eróticos engravidei do meu irmãoContos escrava sexual do patraocontos eroticos fodendo minha cunhada novinhacontos incesto lavando a pepecaDescabaçaram minha xereca a força contos heroticosChupando o pau do.meu paidormi.doler contos de sexo de mulheres sendo chantageada na estrada por dotadosver contos eroticos de irma dando pro irmaofui viajar com minha nora minha buceta ei cu delacontos travesti mulata que me arrombouOrgias com os moleques contos eroticosfui consolar a cunhada carente comi ela contosconto erotico professo negaocontos eroticos de senzalasadorava chupar quando menina contos eroticosDesde Novinha bebendo porra dos amigos contoscontos de meninas que adoram ser estrupadas por todos dà casacontos eroticos enteado pau de jumentofanfic bella ninfeta safadaconto erotico beijei minha irma dentro do tremNo bumbum da baiana - contoscontos eróticos contei que fiz dp com negrosconto erotico gay seduzindo o tio velho coroa grisalhocontos eróticos brincando na piscinacontos erótico moleque safadoContos-esporrei na comida da cegacontos de meninas que adoram ser estrupadas por todos dà casasexo arrombaram minha maecontos tio negão come o c* da sobrinha Rosanacontos eróticos vovóconto erotico com meu sogro peladocontos eroticos de comendo os meninos do orfanatoConto erotico socando rolacontos eroticos sou ex presidiario e comi sobrinho novinhoA maior gozada muita porra contosjussara patifa contocontos eroticos estruprada pelo irmao beudacontos de meninas que adoram ser estrupadas por todos dà casacontos eroticos de Maezinha bobinha do amigis transando com jovezinhoconto erotico gay esconde escondeadultas com seios e bundas fartas ele implorou e eu engoli sua porravizinho velho gay contoscontos porno bunduda sograwww.porno cuahada virgem estupadaConto homosexuais de enteadosconto erotico arregaçadacontos comi o cu da mamãeaudio contos gaysenta no colo do seu irmao contosConto da prinha na primera transaElas quizeram isso contosMulheres deixam cachorros gosarem dentro delas na zofilia erótica Mendigos se madturbando altogorda sacada ficamos siriricaFoderam gente contos tennsmeus pais transando com minhas coisas do conto erótico pornôcontos calcinha da puniçãoconto erotico anal deiempregada deu a bucetinha ao patrao sobre chantagemimagens de conto de homem macho transando com amigo caminhoneiro machocontos erotico de angolaconto erotico gay.amigo do papaicottos. curmir minha enteada novinhavelha aqueles tempos do capô de fusca bem rapadinhazoofilia mulher carente arruma um componheiro pra lir da prazerContos eroticos esposa presa em uma ilha comconto erotico viadinho no sitio de shortinho e calcinha