Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

DEIXEI MEU PAI TARADO LOCO DE TESÃO.

Sempre tive uma relação normal com meu pai, umas brigas vez por outra, mas em geral nos dávamos bem, nunca vi nele nada mais que meu pai e sempre o respeitei. Porem, de uns tempos pra cá notei que meu pai vivia olhando minhas amigas, achei aquilo nojento, meu pai tava virando um daqueles velhos tarados. Fiquei pensando naquilo por um tempo e comecei a me divertir com aquilo tudo, meu pai inventava altas desculpas para olhar pra as meninas, um dia a minha amiga que o meu pai mais olhava estava na minha casa, estávamos no meu quarto com a porta entre aberta, meu pai sentou numa cadeira olhando TV em um lugar de onde ele poderia ver a bunda dela, vi que ele não parava de olhar estava tão vidrado que nem me notou cuidando ele, então resolvi atentar ele, peguei um biquíni novo que tinha comprado e pedi pra minha amiga experimentar, ela olhou e já foi baixando suas calças e calcinha, meu pai arregalou os olhos quando viu a bunda dela, quando ela pegou o biquíni pra vestir fui até a porta e a encostei, dei um tempo e disse pra ela ir vestindo que eu já voltava, sai do quarto e fui procurar papai, ele tava na área de serviço escondido num canto, quando espiei vi ele com a bermuda um pouco baixa e se masturbando, sai correndo e voltei pro quarto.

A cena não saia da minha cabeça, a noite comecei a lembrar da cara que ele fez quando viu a bunda da Amanda, e as caras que faziam quando se masturbava, quando me dei conta estava molhadinha pensando naquilo tudo, tive que me masturbar para poder dormir, a noite sonhei com senas de sexo e me acordei molhada de novo, esstava sentindo tesão por meu pai, que nem tinha uma corpo bonito ou algo assim, não entendia o que acontecia, mas quando chegava perto dele dava vontade de provocá-lo para ver suas reações, no sábado acordei e botei um shortinho pequeno porque estava quente, quando cheguei na cozinha e vi meu pai sozinho, perguntei onde estava a mãe, ele falo que ela tinha ido na casa de minha tia, aquela situação me deu um tesão louco, comecei a criar situações para me exibir para ele, deixei uma colher cair de propásito, e fiquei de quatro pra juntar, desatolei minha calcinha enquanto levantava e dei ma olhada rápida pra trás, vi meu pai vidrado em mim, senti minha calcinha encharcar na hora, tava muito loca.

Meu pai levantou e foi pro quarto, corri atrás mas ele fechou a porta, colei o ouvido e escutei ele gemendo, devia estar se masturbando de novo, não aguentei e meti o dedo na xotinha ali mesmo, gozei escutando meu pai, não acreditava no que estava acontecendo, estava morrendo de tesão por meu “Papi” como chamava ele, mas não adiantava acabava de ter gozado e tava loca denovo, logo ele saiu do quarto e foi ver TV na sala, disfarcei um pouco e fui sentar no colo dele, ele me abraçou e eu fiquei ali, depois de um tempo comecei a me mexer senti o pau dele ficando duro e fui ficando loca, ajeitei bem e esfreguei a bucetinha no pau dele, ele não aguentou e me apertou contra ele, ficamos assim mais um pouco eu me esfregando e ele me abraçando, sentia minha bucetinha escorrer, quando de repente sinto a mão dele tocando ela, olhei pra ele e falei: “To loquinha Papi”.

Ele me deitou no sofá e arrancou meu shortinho e minha calcinha, meteu o dedo na minha xana que fez eu me tremer toda, minha buceta piscava de tesão, ele tirou a bermuda e aquele pau grosso apareceu duro, veio por cima de mim começou a me comer, setia ele entrando e saindo forte, acho que gozei umas três vezes, ele saiu de cima de mim e sentou no sofá me olhou e mandou eu voltar pro colo dele, eu fui e ele me esperou com o pau na mão, levei minha buceta em direção a ele e sentei gostoso. Não parava de gozar e me amolecer toda, levantei e fiquei de quatro no carpete, ele veio por trás e começou a me comer como uma cachorro, sentia ele respirando forte no meu pescoço e seu pau me cravando, até que ele falou que ia gozar, meteu lá no fundo e gozou, senti aquele calor da porra dele dentro de mim e gozei me amolecendo toda.

Quando mamãe chegou agimos naturalmente, mas nás dois sabíamos que a vontade voltaria, minha mãe almoça no serviço durante a semana por ficar muito longe, dês de então todo dia depois do almoço meu Papi me come como um loco no nosso sofá, no meu quarto ou no banheiro tomando banho, nunca um homem me fez gozar tanto, to viciada no pau do meu pai que agora quer comer meu cuzinho também, to loca pra dar pra ele e sentir aquele caralho me rasgando.





Meu msn é [email protected] se quiser me conhecer, adoro conhecer pessoas e gostaria de trocar experiências com pessoas que praticam incesto.



VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS



Contos na pescaria com tios e amigos me fazen d bixinha delescontos erotico frentistaCasadoscontos-incesto, meus primos fudera minha mae.contos de meninas que adoram ser estrupadas por todos dà casacontos de meninas que adoram ser estrupadas por todos dà casacontos de meninas que adoram ser estrupadas por todos dà casaO amigo do meu namorado me comeuconto erotico chupei o pinto do meu paipornô de Juazeiro meninas gostosinhas na realidade lado da cidade de Juazeiro da Bahiaminha mulher me fez corno e viado ao mesmo tempo eu adoreisobrinha da esposa na praia contosconto erotico pai e filho novoContos eróticos gay hooo isso fode meu cu fodesacanas.de.minhas.cunhadascontos o amigo do filho me errabou no tanque lavando roupaamiga gostosa quebrando o galho me mostra a bucetinha pra eu mastubaresposinha submissa apanhando na bundacontos de meninas que adoram ser estrupadas por todos dà casacontos fragei meu amigo dotado e minha esposacontos eróticos coroas dormio e fudia no ônibusEsposa da.a bucetinha pro patrao contoscontos gay menino sarandoporno club conto eroticos de meninos gaysconto erotico negra a cabou com a buceta na siririca regasou a bucetacontos eroticos flaguei minha mae dando também quis cumer sua bundahomens velho gay contosquero no rabo amor eroticosContos eroticos meu neto pirocudowww.contopadrinho.comrapaz muito gostoso transando com outro rapazbonitoConto cu afrouxadoconto lesbica humilhadaconto erótico transformei meu filhinho em mocinha de calcinhaConto erotico depois que gozei ela gostouContos eroticos abusadas pelo meu padrastoconto entreguei os pés da minha mulher para um amigoestrupando a cunhada dopada de remedio para dormir contosencoxei minha tia peituda (contos).contos eróticos online pai tarado e filinha devassaconto fazenda com mamaecontos de meninas que adoram ser estrupadas por todos dà casaconto erótico casada primeiro amanteconto erotico prima franciniContos erotico ferias quentes cinco o retorno do titio pegadorconto gay de pai com vaqueirosobrinha da esposa na praia contoscontos eroticos comi meu irmao rosinhamulher chupa o peito da outra ate ela gemerconto arrombando namoradaConto esposa de tampa sexogatinhos cacetudos metendo igual menininhasconto erotico um padre me come e eu sou homemFoderam gente contos tennscontoos de estupro no onibuscontos de cú de irmà da igrejacontos eroticos julinha priminha de menorconto vendi arrebenta cu minha esposaMinha esposa adora um homem negro contos eroticosContos eroticos..marido incentiva esposa ter outro comendominha mae me fez virar travesti contos eroticoshistoria mulher quer transa com cachoro que seu maridor pedicontos eroticos gays zoofiliameu cachorro mecomeu a forcaconto erptico eu minha namorada e a amigafui arrombada porvarios contosconto gay transando com ele o namorado da amiga conto comi o cu do molequeconto flagrei minha irma dando e enrabeicontos erticos minha espoza e eu no jogo desinuca fui tomar banho na casa do amigo e comeu a mulher deleconto erótico corno de mendigocontos eroticos prima 32noscontos de menininhas sentando no colo de homenscontos eróticos coroas boqueteirascontos eróticos contei que fiz dp com negrosPorno ai falei que era pra gozar maninha.comProvoquei o policial e ele me pegou contos eroticoscontos eróticos sou homem mas dei muito o cu gosto muitocontos eróticos gay a puberdade com o primoconto gemendo no pau do pone taradoconto erotico fingi que tava duente e cumi o cu da enfermeiracumendo cuzinho gostozinhosogras e madrasta fazendo boquetes rapidosContos de sogras velhas crentes rabudas dando o cuconto erotico ajudando meu filhohistoria quadrinho eroticos de sexo na chuva biconto ficou excitado em saber que eu fudendominha tia chegou bebada e eu vi ela pelada oq eu façoContos eroticos dei o cu no matagalEu e o meu irmao na infância. Conto eroticoContos eroticos de sexo com sogra puta