Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

MATEI A SAUDADES DA INFâNCIA

Tenho 56 anos, moro numa cidade do sul e tenho uma casa de praia. Como aqui no sul sá tem 3 meses que dá pra ir na praia porque nos outros meses faz frio, a casa fica praticamente fechada por 9 meses. Quase todo final de semana eu vou lá dar uma espiadela e abri-la para arejar. Coisa de 2 ou 3 horas num sábado é suficiente. Quase sempre vou sosinho. Uma vez subi ao sátão pra ver como andava la em cima e vi que algumas vigas de madeira do telhado estavam infestadas de cupim. Sai pra comprar veneno pra cupim e depois fui procurar alguem pra passar o veneno.

Encontrei um desses garotos que fazem serviços em casas de praia, tipo cortar grama, varrer quintal e outros quebra-galhos. O garoto, mujito simplário, nao tinha mais que 19 anos.

Pra chegar no sátão tinha que subir por uma escada de madeira. O garoto subiu na frente e eu fiquei em baixo aguardando minha vez de subir. Quando olhei pra cima vi através das pernas largas do calção que ele tava sem cuecas.

Fiquei vendo o pau dele até ele entrar pela portinha. Fiquei excitado. Minha mente voltou ao tempo dos meus 19 a 19 anos quando rolava muita troca-troca com meus amigos. Essa lembrança não saia do meu pensamento tanto que, depois que o garoto terminou de passar o veneno e descemos eu fiz de tudo pro menino ficar mais um pouco por ai. Fiquei tentando criar coragem de dar uma cantada no muleque. Pedi pra ele se lavar por causa do veneno enquando eu abria um refrigerante. Dei refri pra ele e brinquei com ele dizendo o que eu tinha visto quando ele subia a escada. Ele deu uma risadinha envergonhada e disse que nao usava cuecas porque nao tinha dinheiro pra comprar.Foi a conta. Fui na gaveta do meu roupeiro e peguei 2 cuecas minhas e ofereci pra ele. Falei pra ele vestir uma na hora. Ele quis ir no banheiro pra vestir mas eu falei que queria ver ele colocar. Meio sem jeito ele tirou o calção e eu tive aquela visão linda de novo. Um pau branquinho, pequeno. Levei a mão no pau dele. Pra minha surpresa ele ficou estático. Seu pau endureceu na minha mão. Comecei a bater uma punhetinha pra ele. Mandei ele sentar no sofá, abaixei minha bermuda, passei saliva no pau dele e dei aquela sentada. O pau entrou de uma vez sá. Parece que começou a passar um filme da minha infância quando eu fazia troca troca e batia punheta com algum amiguinho enfiando o pau no meu cu. Tem coisa melhor que lembrar disso com um garotão enterrado no teu cu?

Bem... pra resumir. Toda vez que ia fazer vistoria na casa eu passava pra pegar o garoto pra me ajudar. Assim foi até eu ter que vender a casa. Essa maravilha durou uns 2 anos.

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS



me chamou de puta em frente do meu marido conto ercontos eroticos sequestronovinha quero ver voce cimasturbando hoje olineconto fui comido por doisprimeiro fistingcontos eroticos com homem contratado para engravidarcontos eroticos incesto vovô e titio me fuderamContos heréticos quadrinhos BarneyEu e minha madrasta contoscontos eroticos com meninas novinhasencoxei mamãe na pia contos eroticoscontos eróticos mulher gostosa cuidando de menininhosrelatos eroticos casadas com negao e velhocontos eroticos vizinha novinha ecuriosacomi minha filhacontos eroticos paulo e bruna parte 2contos erotico estrupando sogracontos:meu pinto endureceuconto bombeiro dotadocontos eroticos de pau gigante arregassando bucetazoofilia ela casou com negao mais quando viu o tamanho do pau enorma dediu ajudaa maetereza okinawa pornoisso nunca podia ter acontecido áudio contos incestosvisitando a cunhada casada mais velha contosduas mulher do Jordão baixo chupando b*****peguei minha sogra botei pra chora contonora dis que viu sogro de pau durocomiminha filja lauraaposentado grisalho peludo comendo cuzinhocarla dando a buceta ora o seu filho de 18conto erotico trai academiaconto gay dopauggcontos eróticos minha madrinha safadacontos muito grosso e grande sofri contos eroticos d homen pausudo comendo a namorada Relatos Eróticos Pastores Negros mais lidos Contos Eróticos vi minha amiga sendo emrabada pelo maridão bem dotado fiquei com muito tesãoconto erótico submissao e buceta com porrawww.xconto.com/encestocontos gays nas dunasXvideos gostosas musculos nas coxas na cabine eroticacomendo o cuzinho da jogadora de volei contovídeo x infermerinha safada 4conto erotico gay.amigo do papaicontos eroticos enchi a buceta da cunhada de esperma e ela ficou gravidafotos coroas fazendo boquetes contosma maecontoseroticos foi fuder no mato e foi comida por malandroscontos eróticos reformaContos Eroticos dos Africanoscorno chupando buceta gozadaaventuras eroticas de mulheres casadas bicontos eroticos fui comida feito puta e chingada de vadiaContos eroticos minha primeira vez foi quase um estupro e eu gosteicontos gay teenzoofili a nimada travesticontoserotico meu padrasto chupou meu cuzinho e minha dusetaconto amante do manogay calcinha primo contoconto gay aloprado gostoso virei putacontos eroticos de incesto: manha mae me ensino a Transar 2Contos eróticos - cheirando mijo e porracontos eroticos gay.treinadorContos eroticos casal anda de saia no calcadaoamante do meu neto contos eroticosconto erotico metendo na cunhadaestuprada pelo caminhoneiro contoconto erótico com professora de filosofiaChupa meu cacete com barreiracontos casada nao resistiucontos eroticos namorada dando pro primoconto erotico de baixo da mesaBoqueternoSou gay e tranzei com um travest contos eroticocontos erotico minha infancia com minha primameu grelo est louco de tesaoContos lesbicos de irmas se depilandoacademia eroticacontos VIZINHO INICIA ESPOSINHAcontos gay favelaMe comeram ao lado do meu namoradoHome poi mulhe prachora na picacontos com amiga baixinha e gordinhacontos eróticos com vizinha