Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

NO ESCURINHO DO CINEMA

No Escurinho do Cinema



Seu meio hetero, meio gay. Tenho uma linda namorada com a qual transa de diversas maneiras. Sem ela saber, também gosto de dar gostoso. Faço as duas coisas bem feitas, tanto com mulheres quanto como homens. Mas sei separar bem as coisas.



Depois de deixar minha namorada em casa, resolvi ir assistir a filme pornô atrás de um shopping, num teatro que fechou se transformou em uma espécie de shopping pornô, misto de lojinhas do ramo e salas de projeção. Quanto entrei a luzes ainda estavam acesas. Sentei na última cadeira bem práxima à parede, para não ser perturbado.



Na poltrona da frente estavam dois casais e um cara sozinho. Assim que começou, ele virou para atrás e disse: posso sentar aí? – Fiz que não notei. Ele repetiu o pedido, ao qual não atendi novamente. Sem eu responder, ele veio e sentou ao meu lado. Posso? – Dei com os ombros e ele ficou ali sentado e imável.



O filme começou quente. Um negão comendo o cuzinho de uma loira estonteante. Tirava a o pau imenso e colocava novamente. A mulher gritava, rebolava, gemia e empinava a bunda. E assim foi, cada vez mais quente e excitante. De repente, o cara que estava ao meu lado colocou a mãozona sobre minha perna. Descia e subia a mão. Peguei na sua mão, ele acaricio, apertou com firmeza, demonstrando sua masculinidade.



Colocou minha mão sobre as pernas dele. Estava de agasalho e abaixo a calção, senti o volume grande sobre a cueca. Coloquei a mão por dentro e acariciei o pauzão meio mole ainda. Voltei a prestar atenção ao filme, mas segurando e mexendo na vara. Um loirinha estava chupando, lambia e engolia até a garganta. Molhei minha mão de cuspe e fiz uma massagem no pauzão de cima ate embaixo. Crescia cada vez mais.



Chupe, é todo teu. Passei para a outra poltrona e fiquei entre as pernas dele. Abocanhei a cabeça, lambia, sugava, me deliciava. Fui descendo até onde aguentava. Coloquei os braços sobre suas pernas e ele fudia minha boca como uma buceta. Senti um arrepio, tesão total de receber aquela picona na boca. Resolvi de me deliciar, dar e receber prazer. Para ficar livre, tirei minha calça e cueca. Voltei a engolir o pauzão, sentir tudo aquilo na boca, gozei no chão.



Parei um pouco. Voltou o tesão novamente. Virei de costas, fiquei meio agachado, pequei o pau e direcionei no meu cu. Ele se esticou, molhou a mão de cuspe e passou no meu cu. Molhei bem o pau dele com a boca e voltei na posição que estava. Empinei a bunda e ele colocou a cabeça. Abri e mexi a bunda e entrou. Estremeci. Um calor tomou conta do meu corpo. Minha porção mulher veio à tona.



Ele pegou no meu ombro e puxou forte, entrou tudo. Não podia grita, mas dei um gemido forte. Minha bunda ficou empinada, dando sinal que estava aceitando a vara numa boa. Fiquei parado naquela posição uns três minutos, não sá para me acostumar com o volume dentro, mas para sentir o prazer sendo possuído como uma fêmea.



Comecei a contrair, apertar o pau, sentir aquilo cm por cm. Ele gemeu. Eu não aguentei a pressão dentro e comecei a rebolar, mexer para me sentir comido de verdade. Repetia os movimentos, contrações, rebolado, sensação incrível de dar o cu ali no escurinho do cinema para um cara que sabia foder. Cavalgava até em cima, descia, ficava parado sentado parado, mas em seguida mexia, rebolava. Ele me erguia e soltava meu corpo que caia espetado no seu pau. Me apoiei na poltrona da frente, ganhei espaço, empinei a bunda e rebola na pica. Rebola sem parar. Ele gozou no meu cu.





VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


conto conto erótico e história comendo a mulher do meu amigo analconto erotico comeu a amiga da. minha mãe seios gg nuas tomando banho de manteiga gostosoconto erotico comeu a amiga da. minha mãe seios gg batendo punheta no cavalo contos eroticosSexo com meu cachorrocontquero ler contos eróticos lojista gostosacontos janaina safadinhaconto erotico gay coroa pirocudo do bar me levou pra casa dele e me arromboudois gay fudendo violentamentw/entre siContos eroticos aii te amo ..ai ..ai mo vc e gostosa devagrtravesti gemendo a ponta da pistolaporno nas baladas de contagem novinhasMãe mamando filho contoseroticosjerro picudo comendo a sogra e a cunhadaContos sou casada com um travecocontos convidei um amigo para dormir na nossa camacontos eroticos gatinhasRelatos eroticos de professoras casadas brancas que foram usadas por alunos negrosensinei meu melhor amigo fudercontos eroticos com dedadas violentss e chupadas brutascontos de cú por dinheiroSou gay e tranzei com um travest contos eroticocontos eroticos seiosconto eroticos maduras e filhas na putaria caralhudoscontos de incesto por chantagem do filho com a maeComtos casadas fodidas pelo filho e o sobrinhocontos eróticos meu marido insistiucontos de como eu gritei quando me foram ao cucomendo a cunhada linda das coxas grossas e peitos lindos contos eroticosconto eróticos mendigo batendo punheta na rua da minha casaverdade ou desafio com as primas novinhas contos terceira idade de calcinha no cuHistorias erosticas viadinho dano o rabinho para o policias e chora d dorestrupadapormaniacocontos de big rolameu irmão me convenceu contosporno marido da vizinha foi viajar e fui pozar na casa delaMinha mae me pediu foder eleasgostosas ticoscontos mamae noa aguentou meu pauCasei e virei puta contosconros eroticos dando prp amigo do namoradocontos de meninas que adoram ser estrupadas por todos dà casaconto de marido e esposa e velhoconto no mato espiando a filha tomar banho no riucontos filme com cunhada mostrando a buceta de sainhaContos de putas safadasconto só uso fio dental sou gaúchaconto erotico vi minha namorada dar pro negaocontos comi o cu da mamãeconto supreza minha mulher coloco pirc na bucetano banheiro com vo contos eróticovidio porno enchada qualculadacontos erotico meu pai me comeu na cachueraContos eroticos casal anda de saia no calcadaoO amigo do meu namorado me comeubelíssima mulheres porno emgole pora traveco e gayMeu penis mede 17 cm e grandecontos eróticos de bebados e drogados gaysContos.eroticos.me.dava.banhocontos eritico acustumou da o cu com tudo mundo dormindocontos eróticos filhinha bobinhacontos eroticos porteiroTava atrasada mas deu tempo de dar o cu contos eroticosrelato erotico meu filho gosa nas calcinha minhascontos eróticos metendo com a minha mãe e minha tia na casa de praiacontos flagrei minha irmã e seu filhocontos eroticos porno de pirralhas inocentesTennis zelenograd contofui corno gosteizoofilia mobile ticas porno