Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

VIREI PUTA POR UMA NOITE

Fato real acontecido em outubro de 2010, de repente virei uma puta e meu marido corno. Meu nome é Sandra tenho 33 anos sou de Campinas, interior de São Paulo, casada faz 7 anos com um empresário do ramo de construção que tem 36 anos, eu tenho a pele clara, cabelo escuro na altura dos ombros, mignon, com 1,72 de altura, seios fartos, sempre chamei a atenção pela beleza do meu sorriso, porque tenho a boca carnuda, por causa dos seios fartos..fato que sempre uso decotes e pelas minhas coxas grossas fruto de muita malhação...meu marido é mais alto, experiente e vivido, esta com uma barriginha de homem e por causa da idade...quanto a sexo sempre fomos ativos e gostamos de fazer. Sempre que conseguimos frequentamos bares e restaurantes da região, gosto de dançar mas o maridão é parado neste assunto...eu adoro vinho mas tenho que tomar cuidado, porque pouca taças já me deixam molinha...caipirinha então...é pior ainda - meu marido é mais resistente a bebida alcoálica mas como todo mundos tem um limite..na cama somos bem quentes e sempre tentamos inovar com acessários, roupas e exibicionismo, adoro me exibir em público, de noite nos caixas eletrônicos da cidade, em postos de gasolina (os frentistas ficam doidos), nos bares deixo sempre as coxas a mostra...mas nunca fizemos mais nada além disso..quando fazemos sexo sempre brincamos com um acessário dizendo que temos mais umuma na cama...isso mexe muito com nossa imaginação até que certo dia fomos convidados para um casamento em São Paulo. Eu não queria ir, mas era muito importante para meu marido...como sempre me arrumei até ficar deslumbrante, coloquei um vestido de alça vermelho, estava quente, para não marcar coloquei uma calcinha pequena também vermelha, fiz uma escova, me depilei toda, coloquei uma correntinha no tornozelo e um salto alto (bem alto) estava elegante...como estava no período fértil eu ficava com muito tesão e muito calor...meu marido sabia que ia me comer naquela noite...ele saiu mais cedo do serviço para dar tempo de chegar em São Paulo, deixei meu filho com minha sogra....ja no caminho até São Paulo ficamos falando de sexo entre outras coisas. Já com segunda intenções eu levei no banco de trás minha sacola com roupa para dormir e uns acessários. Resumindo o casamento estava átimo, tomei várias taças de vinho, meu marido tomou muito whisky (passou da conta)...tive que brigar com ele..dancei muito, os homens estavam me comendo com os olhos...certa vez fui ao banheiro e quando fui urinar ao me limpar tive a verdadeira noção de como estava melada..mais um pouco acho que ia escorrer pelas pernas..recebi até alguns elogios do tipo gostosa...maravilhosa, passa lá em casa...quando estava para acabar a festa do casamento, vi que meu marido estava muito alto e falando mole...por segurança resolvi que já era hora de ir embora...quando o motorista do valet trouxe o carro...”briguei” com meu marido que eu ia dirigir...depois de muita discussão peguei o carro e fui embora...ele estava mole quase dormindo...eu não sabia como sair de São Paulo para pegar a marginal Tiete...quando dei por conta estava perdida em São Paulo com o maridão bêbado, parei umas duas vezes em posto de gasolina para pedir informação...lágico que eu levantava o vestido na altura da calcinha....Quando dei conta estava em uma avenida de São Paulo que eu acho que chama Indianápolis.Não à conhecia mas na avenida tem várias prostitutas e travestis...e parece ser um bairro de classe média alta...fiquei excitada e acordei o marido para ele ver e me dizer o que era homem ou mulher...ele acordo excitado e provocante...como eu também estava excitada resolvi provocá-lo parei o carro em uma travessa dessa avenida..peguei minha sacola no banco de trás e dentro tinha uma peruca loura comprida...que já tinha usado em outras fantasias...coloquei ela e fui para a esquina...sempre tive a curiosidade para saber quem são as pessoas que param e o que elas dizem ...dei um beijos no marido que espantado e bêbado tirou o pau para fora de tanta excitação e fui rebolando para a esquina...o carro ficou em um canto escuro, retoquei o batom vermelho...e para meu espanto não demorou muito e parou um corsa com um garoto dentro...feinho mas era muito simpático...não tenho noção de preço mas quando falei quanto eu queria ele foi embora...fui passear de uma esquina até outra quando parou um carro grande, deve ser importado, preto..abaixou o vidro..vi que era um coroa aparentemente 45 anos...atraente.. sendo que tive que necessáriamente me abaixar para conversar com ele...nesse momento tive a idéia de levantar meu vestido na parte de traz para meu marido que estava no carro práximo ver minha bunda e minha calcinha atolada...o senhor chamava-se Juliano era desquitado e disse que sempre saia de madrugada para se divertir...perguntei o que ele procurava e ele disse que era eu. Ele falou frequentava muito a região e disse que nunca tinha me visto, falei que era nova na praça...ele pediu para mostrar meus seios, que nessa hora estava duro pedi que me desse 10,00 para mostrar...ele abriu a carteira e me deu, nessa hora peguei o dinheiro e coloquei na lateral da calcinha para meu marido ver...quando baixei a alça do vestido ele pegou com a mão, me apertou e disse que devia ser gostoso..perguntei se ele não queria experimentar...ele mandou eu entrar no carro dele...fiquei com receio, perguntei e meu dinheiro...ele abriu a carteira tirou algumas notas e mandou entrar...me chamando de putinha...fiquei doida..olhei para trás vi meu marido sorrindo..eu bêbada entrei no carro, mal pude sentar no banco eu senti um perfume maravilhoso...ele todo educado já pediu para eu tirar a calcinha e colocar no porta luvas..porque ele ia ficar com ela...fiz o que meu cliente mandou...nisso ele abriu o zíper da calça e falou para eu colocar a mão e tirar para fora...fiz o que ele mandou...quando coloquei a mão dentro da calça quase que desisti...como podia aquele coroa inofensivo com uma ferramenta daquele tamanho e espessura..tive poucos namorados na vida mas nenhum chegava perto daquilo...mas estava com muito tesão...peguei minha boca carnuda e cai de boca...que sensação diferente, meu marido no carro ao lado batendo uma punheta e eu com uma peruca loura mamando em um cacete de um desconhecido, abocanhei com tanta vontade que parecia uma criança com um sorvete na mão..ele logo abriu a calça e desceu um pouco mais..nessa hora pude lamber seu saco bem aparado...pude ver as veias daquele cacete quase explodindo..pude mamar por alguns minutos quando ele insistiu para eu sentar nele...ele puxou o banco mais para trás...pedi uma camisinha, ele colocou pensei que não ia caber dentro...abri minhas pernas e fui sentando em cima...minha xaninha estava molhada, mas parceria que não ia entrar..foi como se eu fosse virgem..aos poucos minha xana foi acostumanto até enterrar por completo..comecei a cavalgar na rola do meu primeiro cliente....nisso ele ficava abocanhando meus seios..que tesão, que loucura, que sensação diferente...pude notar meu marido com o celular na mão ..devia estar filmando tudo...meu cliente começou a massagear meu cuzinho que a essa hora estava com muito tesão, mas com um cacete daquele eu não deixaria nunca...mas para não deixar meu cliente triste..peguei seu dedo chupei ele e sussurei na orelha dele...enfia tudo no meu cuzinho..me faz uma puta feliz...ele adorou aquilo...ficamos nesse vai e vem por alguns minutos ate ele gozar...eu já tinha gozado umas 3 vezes (isso nunca aconteceu comigo e meu marido) mas aconteceu justo sentado em cima de um mastro de um estranho...o gozo dele parecia uma mangueira aberta...quando sei de cima..ele tirou a camisinha..pegou uma flanela e começou a limpar..quando estava quase seca...ele pegou minha cabeça e mandou limpar tudo...e foi o que fiz...fiquei com nojo, mas estava bêbada, com tesão e bem paga...limpei tudo...ele disse que tinha que ir embora, guardou o mastro dele...nesse momento sai do carro sorrindo..sem calcinha...andando toda torta..quando entrei no carro do meu marido eu disse..virei uma puta hoje...e você agora é corno...dei um beijo longo e quente na boca do meu marido...cheirava a macho...ele colocou a mão na minha xana..quente..latejando...e disse nossa...ele te fudeu..eu disse como nunca tinha sido fudida antes...meu marido queria me comer também, mas não deixei...queria apenas curtir um pouco mais aquela situação...nessa hora ele pegou o volante do carro...eu tirei a roupa voltei até campinas completamente nua...cheirando porra...fiquei assistindo o vídeo do celular...sei que parece ser loucura, mas até hoje era um segredo nosso..resolvi publicar porque acho que tem um monte de casal afim...percam o medo...é muito bom confiar no marido e gozar como louca..beijos [email protected]

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


contos eróticos menino pequeno dá ocupadocontos eroticos fudendo muitoA filha do meu amigo veio do interior pra ser minha empregada conto eroticomulheres.estrupdas.aforsa.q.fas.buqteincesto tio ginecologista bolinando sobrinha de dez anosporno gay peguei meu amigo batento punheta e me juntei a eleContos eróticos de incesto filhinha caçulinha dando em cima do paipeguei meu pai comendo meu amigo conto eroticocontos eróticos casei com meu patrãover rapasea novos grizalhos pelados de pau duroporno contosesposa deu cu estranhocontos eroticos com mae e tia dando cucontos amor gayminha tia e minha mae minhas mulheres contos eroticostanguinhas usadas contosEntro na bucetinha da minha sobrinha pequena todas as noites e encho a bucetinha dela de porraMeu corno cherador de cu.conto eróticocontos eroticos estrupada por pivetesele viu o lacinho da calcinha que eu usava e ficou de pau duro. conto gaynamorada de calnsinha centou na picaconto erótico meu marido lambe o Pougarotos safadinhos picas e bundas videosconto erotico cdzinha arrombada por dois negoescolocou toda.no.cu e elabse.mijouleitinho do padrinho contos gaycontos eroticos de fui fudido junto com minha mulherEu fui forçada a fuder contos eróticos com fotoscontos calcinha da minha tia coroacachorros rendidos gozando pornocomi o marido de minha prima ma cama delacontos eroticos meu sobrinho na casa de swingcontos de coroa com novinhoconto erotico esmagou cu esposaContos curtos de coroa casada chantagiadapelado com uma travesti contos eróticosContos eroticos empregada humilha a patroacontos de meninas que adoram ser estrupadas por todos dà casa#contoseroticosjogandoContos porno minha namorada mi engañoMulheres peladas com a boceta toda regasada aberta saindo puisalgus dono de escravos estrupavão escravascontos de cú de irmà da igrejaesposa contando detales pro corno da transa com amante contoscontos eroticos sobre voyeur de esposaBoqueternoCasada viajando contosCrossdressing contos eroticoconto minha madrasta me transformou em mulhercontos porno heteros'na adolecencia brincando de esconder meus amigos me comeram'casa dos contos eróticos camila a namorada gostosa do cunhadoconto erotico minha namorada virgem com outrocontos eróticos mulher de traficante dando pra galera todasexo.filho.fode.a.mae.durante.uma.caminhadacontos de dei o cu para um jumento Negrãocontos eroticoc de senhoras casada se vingando dando o cu pra negoesmeu sogro tem a rola de 26cm e socou tudo em mim.contos eroticos sograContos eroticos eu e meu tio fodemos a avo da minha namuradaContos transei com novinho gayMeu filho socou seu pau na minha bucetaContos eroticos caseiro entre irmaos na infanciacontos de cú de irmà da igrejaContos o moleque comeu o cu virgem da minha mulhercontos eroticosmeu namorado me encoxando camisinhaa garotinha no meu colo contocontos fiz o cuzinho da mamãeEu e minha madrasta contoscontos eróticos de brigascoloquei uma calcinha da minha mulher e me exibi pro meu amigo contocontos veridico de desejo realizadoconto zoofilia tezao estrupoporno conto relava aquele peito em mimConto erotico com furia comi o arrigante ate ele choraconto porno a virgem babiconto erótico eu meu namorado e minha amigacontos eroticos aprendendo a fazer meu primeiro boquete com meu padrinho velhosuco de uma magrela trepando em pornô famíliacomi minha comadre drogada contomamae levou meus amigos pra acampar contos eroticos