Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

FODIDA PELO ENTREGADOR DE GAS

Para quem não me conhece me chamo Fátima, tenho 4epoucos anos. Não vou dizer que sou mulherão de parar o transito, mas estou em átima forma, colocando muitas gurias novinhas no bolso (quem quiser comprovar ou saber mais, posso mandar fotos por email).

Sou casada e meu maridão é excelente me tudo que faz, nos damos muito bem na cama e ele tem muitas fantasias, o problema é que eu ainda não realizei todas elas, acho que pq não chegou a hora ainda. Uma de suas maiores fantasias é que eu seja comida por ele e outro macho, ele quer ver eu fazendo tudo com outro.

O que aconteceu a pouco tempo foi por acaso. Começou quando meu marido acordou atrasado para ir trabalhar, naquele dia não deu tempo de dar nossa metida matinal, e quando acontece isso fico o dia todo com tesao esperando ele chegar para tirar o atraso (somos fogosos demais). Mas como não tinha outro jeito achei que iria chupar dedo o dia todo (acabei chupando outra coisa).

Levantei, tomei banho e coloquei uma camisetinha de algodão branca, sem sutien e sá de calcinha e depois de passar meus cremes perfumados fui fazer um café para tomar. Qual minha surpresa quando percebi que tinha acabado o gás mesmo antes de ferver a água, bem, eu tive que pedir outro gás ate pq tinha que cozinhar depois. Liguei para o deposito e deitei no sofá, fiquei ali pensando em nada, cheia de tesao e esqueci que o gás chegaria em pouco tempo. Somente quando a campanhia tocou é que me dei conta que estava vestida daquele jeito. Não dava tempo pra me trocar, então peguei o shortinho do baby dool, vesti e fui abrir a porta, sabia que estava indescente para isso, mas achei que não tinha nada demais.

O rapaz que veio fazer a entrega não era la essas coisas toda não, mas era simpático, eu pedi a ele pra levar o botijão ate a cozinha e fazer a troca pois eu morro de medo disso. Ele profissionalmente foi fazer o que eu pedi, fiquei da porta da cozinha aguardando ele terminar, achei que estava demorando mais que o normal. De repente ele levantou e pediu-me uma ferramenta para tirar o lacre, dizendo que estava com problema (acho que foi de propásito), depois que me pediu ele me fuzilou com um olhar dos pés a cabeça, acredito que não tinham olhado pra mim daquela forma ate então, foi tão penetrante que um calafrio me percorreu a espinha da nuca até a bunda, senti minhas pernas tremerem e minha bocetinha ficar piscando (naquele dia eu estava com muito tesao).

Mas voltei a realidade e peguei a faca e entreguei a ele, ele se abaixou e eu fiquei ali perto, sem saber o que tava acontecendo (comigo), ele não parava de olhar pra minhas coxas de rabo de olho, até que tirou o lacre do botijão. Mas ao tentar soltar o registro pra fazer a troca ele falou que estava muito duro e não conseguia rodar, daí me pediu para ajuda-lo. Abaixei-me ao seu lado e minhas mãos sobre as suas tentavam rodar aquele treco, meu corpo estava muito práximo dele e meus seios roçavam seu ombro. Naquele momento vi que estava decidida a encarar o que acontecesse dali pra diante.

Como o registro não rodava, ele falou

Dona, acho que não vai dar certo, vamos inverter a posição pois ai eu terei mais apoio.

Prontamente concordei, ele levantou e eu pude ver o volume que se formava por baixo do seu macacão. Eu fiquei agachada e ele veio por trás de mim , seus braços me enlaçaram e ainda fingimos querer tirar a torneira do gás. Ele cada vez mais encostando em meu corpo, e eu consentindo e empinando minha bunda discretamente para trás, ate um ponto que eu já sentia aquele cacete roçando minhas nadegas. Foi quando ele soltou uma das mãos e afastou meu cabelo sem pedir e deu um baita beijo em meu pescoço. Quase que cai! Daí começaram suas caricias, mordia meu pescoço, beijava minha orelha, esfregava seu pau em minha bunda... eu estava adorando ele ter percebido que podia fazer o que quisesse.

Eu rebolava e gemia baixinho, sentindo aquele cacetao me sarrando. Minha boceta estava encharcada de tesao, agora ele com as duas mãos acariciava meus seios, apertava-os com força, apertava os biquinhos entre os dedos me chamando de gostosa, dizendo que queria trocar o gás dele dentro de mim, e eu querendo mais.

Foi quando ele levantou e eu que já estava de joelhos no chão me virei um pouco e deparei-me com aquele volume ainda dentro do macacão, não aguentava mais de tesao, meti a Mao e o liberei, que coisa linda aquele pau, grande grosso e duro como uma barra de ferro, e eu encantada, pois sabia que naquele instante ele era todinho pra mim. Peguei-o com as mãos e o masturbava, acariciava ele da cabeça ate a base sentindo cada pedacinho daquela tora que estava prestes a me foder, apertava as bolas, estava louca por aquela pica. Não aguentando mais de vontade cai de boca naquela vara, chupava aquela cabeçona brilhante, lambia ele todinho, esfregava-o em meu rosto.... mamava gostoso enfiando ele cada vez mais fundo ate que senti sua cabeça tocando minha garganta, como era gostoso aquilo, chegava a me engasgar com aquela tora todinha enfiada em minha boca e com a outra mao acariciava minha boceta, tocava um gostosa siririca.

Enquanto eu chupava olhava para o meu macho que naquele instante não se aguentava de tesão, podia ver isso em seu rosto, ele gemia gostoso e sua fisionomia parecia de alguém que nunca tinha sido chupado, eu já podia sentir aquele salgadinho que sai do pau antes do gozo. Ta gostoso ta? Eu perguntava com cara de safada olhando pra ele e ele respondia –ta sim, muito gostoso, que boca deliciosa vc tem, continua chupando e punhetando vai. E agarrava em minha cabeça me fazendo engolir aquele cacete mais do que cabia, e eu adorava. Foi quando ele começou a se contorcer e gritar que ia gozar, ai eu aumentei ainda mais o ritmo e intensidade daquele boquete, e com um urro maravilhoso dele senti jatos de esperma serem jogados em minha garganta, tirei o pau da boca e esfreguei na cara, queria me lambuzar também com aquele leite e engoli o que tinha ficado na boca. Foi maravilhoso, mas eu queria muito mais que aquilo.

Levantei e ordenei que ele me mamasse os peitos, ele ainda meio zonzo arrancou minha camiseta e começou a mamar em meus seios, a cada segundo meu tesão aumentava mais, mamava como um bezerro faminto, ora um ora outro eram acariciados, apertados, mordidos... adorei quando ele mordia nos biquinhos e apertava o outro. Vai mama em tua vaquinha mama, aperta essas tetas que são tuas... morde teus peitinhos vai meu bezerrinho, quero que vc deixe tua cachorra com muito tesão, aperta minha bunda gostoso. Ele mamava e suas mãos percorriam meu corpo me apertando e alisando, apertava minha bunda com suas mãos fortes que pareciam que ia arranca-la.

Tu é muito gostosa, cadelinha safada, tesuda, ele dizia. Sou sim e quero que vc aproveite todinha, quero que chupe minha boceta que vc deixou pingando de tesão. Sentei no balcão da cozinha e abri as pernas, ele aproximou-se e afastou de lado minhas roupas, deixando amostra minha xaninha ensopada e caiu de boca nela. Na verdade ele não sabia chupar muito bem, adoro ser chupada, mas o macho tem que saber fazer, se souber direitinho vou a loucura. Apesar de ele não chupar la essas coisas eu estava adorando sentir outro macho ali chupando a bocetinha que “era” so do meu maridao.

Estava gostoso mas eu queria era ser fodida... ele já estava de pau duro novamente, desci do balcão e o arrastei para o quarto, peguei uma camisinha no guarda roupa e coloquei em seu pau apás dá mais uma chupadinha e ordenei : vc vai foder tua cadelinha agora, foder tua patroa bem gostoso. Ele respondeu sim senhora minha patroa gostosa, minha patroinha putinha, vou fode-la como a senhora quizer.

Fiquei de quatro na cama, vem arromba essa cachorra todinha vai... ele não pensou duas vezes agarrou em minha cintura e sem aviso enterrou aquele mastro todinho de uma so estocada, confesso que me faltou fôlego naquele instante, vi estrelas de tão forte que ele meteu, mas era aquilo que eu queria, ser a puta dele naquele instante. Começou uma sequência de estocadas que me faziam gritar. Isso fode gostoso fode meu macho, arromba gostoso essa boceta, fode essa cadela no cio, quero sentir essa pica todinha, a pica do meu cachorro me arrombando... arregaça essa boceta vai. Ele não falava enquanto fodia, mas fodia com uma força que eu jamais havia experimentado, em poucos minutos minha boceta estava arrombada e não aguentando mais eu gozei, mas gozei muito, nunca imaginei que outro homem pudesse me fazer ter um orgasmo daqueles (hj sei que é possível), acho que foram uns dois ou três juntos. E o animal continuava bombando, e eu também não queria que parasse, queria morrer sentindo aquela vara me fodendo daquela forma, estava me sentindo uma devassa, uma cadela no cio que esta levando pau, a puta mais gostosa desse mundo e a mulher mais fodida!

Me soltei dele e deitei-me de frango assado pra ele, vem, vem meter mais vem arromba essa putinha todinha, quero sentir mais esse cacete. Ele imediatamente me penetrou agora em outra posição, fodeu muito e eu gozei mais não sei quantas vezes e de repente ele faz cara de quem vai gozar... goza vai, goza nessa buceta gulosa, quero sentir esse cacete gozando dentro de mim, goza cachorrao safado, tua cadela quer esse leitinho todinho e vai gozar junto contigo. Mais umas duas estocadas e gozamos desesperadamente, um gozo puramente animal gozo de sexo sem amor mas simplesmente MARAVILHOSO!!

Caímos na cama desfalecidos, parecíamos estar em outra dimensão (que não tem muito ar), mas a felicidade e o prazer eram totais. Ficamos assim uns 19 minutos e levantamos, ele tinha que ir. Paguei o gás e falei: a gorjeta vc já recebeu. Ele entendeu e respondeu que gorjeta assim mais nunca ele vai ter a sorte de receber. Concordamos e sorrimos.

O dia continuou normalmente e a noite quando meu amor chegou contei a ele como a esposinha dele tinha “trocado o gás” naquele dia. Ele adorou e depois nos amamos muito antes de dormir.

Bjs a todos leitores



Mande email, responderei a todos e quem sabe vc pode ate me descobrir!



[email protected]

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS



filme pornô minha prima gravata preta para mimconto erotico dando o cu por vingançametendo com a tininhaconto erótico minha mulher me ofereceu sua amiga travestime foderam muito cedo contoseroticosminha mulher d sainha dando pra mim e um amigo jegao contoscontos eroticos,minha sobrinha cresceucontos eróticos dotado enterrou todinha adoreiminha mulher no bar de minemeu tio e o taxista comeram minha mulherconto madrasta fudida a forçacontos eroticos saindo da sauna toda arregaçadaConto erotico filhinha de niquinirelato erótico real- a visitacontos porno traca troca amiguinhoricardao conto gayamigas gozando juntascontos eróticos minha madrinha safadacontos eroticos peitos sadomasoquismosubria/luiza/fudendo/na/fazendacontos porn negao tripe fodedor de garotinhas virgensgai bebendo porra de varios macho no cinema conto eroticoconto erotico amigas de escolapirralho contos eromeu patrão me pegou mastubando e chantageia conto eróticoincesto africanopeladinha na praiacontos buceta completamente peluda irmã de calcinha pela casaCom calça de lycra - provoquei o coroa - contos eróticosconto erótico sequestradorescontos de coroa com novinhoconto erotico flaguei meu marido masturbando nosso dogcontos eroticosó policial coroacontos porno eu amo caga na picaminha irma fudeu com nosso cachorro conto eroticocontos eroticos homem casado dando para o primoconto erotico masturbei primocoto erotico cachora da minha espozaconto fudendo amiga casada coroa baixinha e gordinhacontos de cú de prima coroaO porteiro amigo do meu pai me fodeu contoeroticocontos de cú de irmà da igrejacontos de cú de irmà da igrejaXviodio coroas casada O amigo dele me comeu contoscontos eroticos cuzinho pro vizihofudi a bundinha da juju com minha rola grande contoscontos eróticos mulheres q chega em casa e o marido desconfia porque está arrombadaconto erotico me fizeram varios sitio cadelaComigo por um cachorro gay contoscontos de novinha sendo estuprada no caminho da escolaconto vi arrebentaram cu minha filhadei minha buceta no cinema .contos eroticosPornodoido passistasque cunhadaNo motel minha sobrinha ela chupou meu pau eu chupei sua buceta e fudi ela contos eroticos conto tara crente bundudaPuta desde novinha contospenis torture alargando a uretracontos eroticos de mulheres casadas que ja levou mijada na caradei pro japones contocontos eroticos bissexual pai mãe e filhoContos sempre fui viadinho dos homens da familiacontos eroticos sequestrocontos eroticos jingridcasada se vendendo pro caminhoneiro-contosContos eróticos-a Freiracontos de incesto minha sobrinha veio passar dois dias comigogangbang estuprocontos erotico farmaceutico macho negao fodendo gaycontos eroticos sequestrocontos e historias de zoofilia meu cachorro mamou nos meus peitos cheios de leitequentes carentes cariocascontos eroticos...comendo minha tia enquanto meu tio estava no hospitalcontoseroticosdegaysViciada em siririca contoscontos eroticos sobre voyeur de esposaContos eroticos de calcinha fio dental saia rodada no coletivocontos de meninas que adoram ser estrupadas por todos dà casapuxa agarra japinha cabelos pornoContos eróticos.com/Enrabei a Floraconto sou. chupeteiraconto novinho forcado no boquetequero ler conto erótico sogro f****** com a noraaventuras com travesti Portugal contocontos eroticos dei a esposa sem ela sabercontos eroticos gay meu profeddor de artes macias gaycontos novinha violadacontos eroticos minha mae me seduziu com sua bundonadei a bundinha para o meu avoeucelo ve uvido ponocontos eroticos tia do amigoContos eroticos novinha fodida nu estabulo pelo negro e pelo cavaloPai,tio e filho contosestou comendo a mulher do amigo caminhoneiro na viajem contos