Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

MEU MARIDO TARADO PELA SUA PATROA

NARRATIVA DO MEU MARIDO, FODENDO SUA PATROA.



MINHA PATROA E UMA GOSTOSA!





Ela estava sozinho no escritário. Eram 16,30 horas . sara acabara de sair . eu estava todo suado , desarrumado , cansado e com a sensação de que havia feito uma besteira das grandes .

Sempre havia escutado em varias partes e de várias fontes que "onde se ganha o pão não se come a carne". Regra fundamental numa relação estreita e diária entre patroa e empregado. No meu caso entre segurança e patroa. .

Sara é minha patroa, melhor dizendo , meu faz tudo, há muitos anos. Cinco se bem me lembro. Sempre muito eficiente em tudo, nesses anos todos e a nossa relação sempre foi pautada por respeito mútuo e um distanciamento preventivo de ambos lados. Sabíamos que o limite entre a descontração e a intimidade nunca deveria ser ultrapassado.

sara é uma moça de 37 anos, casada há anos e . sem exagero, rosto bonito, cabelos longos loiros claros, olhos azuis , seios grandes e pontudos, cintura bem bem feita, quadril largo e uma bundinha absolutamente ... maravilhosa !!! Tão arrebitada que a faz andar gingando .Resumindo, no meu conceito ... um tesão de mulher !!!

Para conviver com esta situação sempre sublimei o meu instinto de macho no trato diário com ela. Pra mim era como se estivesse trabalhando com um amigo do futebol da terça-feira.

Porém, hoje ficou claro que era apenas uma ilusão o fato de que eu não a notava como mulher. O que existe na verdade é uma forte atração sensual por ela e pior, que sou correspondido na mesma proporção ou mais intensamente ainda.

Vamos aos fatos ...

Hoje à tarde , por volta das 17;00 horas, estava aqui na sala de sara, ligando para um cliente. Como hoje é pré-feriado , muitos clientes não aparecem. Como estava tranquilo, passei a ler relatos aqui no CONTOS EROCTICOS,. Fui lendo e ficando progressivamente mais excitado. O membro estufando a calça jeans e deixando uma nodoazinha translúcida no tecido. Subitamente SARA adentrou a sala sem bater e me pegou alisando o pênis por cima da calça. Meu constrangimento foi evidente e rapidamente me recompus e fechei a pagina no computador. Porém, o limite da intimidade havia sido quebrado naquele exato momento. Os olhos de SARA pousaram na minha virilha e não vi qualquer sinal de constrangimento ou embaraço neles. Ela falou qualquer coisa que nem tenho agora a mínima idéia do que era, e esgotado o assunto, disse que no final do dia precisava conversar comigo e me mostrar algo. Não consegui mais trabalhar direito. Fiquei um misto de constrangido, assustado e excitado. O que ela estaria pensando de mim ? No final conclui que o melhor era pensar que nada havia acontecido e que ficaria tudo como antes ... ledo engano !!!

Assim foi durante a tarde, meus pensamentos a mil, e muito curioso com que ela queria falar. Por volta das 19;00 horas e como sempre fiquei revisando os afazeres do dia posterior, antes de ir para casa. Pelo interfone SARA me perguntou se podia ir até a sua sala pra conversar ... talvez estivesse com medo de me pegar desta vez com o membro na mão ... pensei ... rindo sozinho. Ri mas algo dentro de mim se inquietava.

Abrindo a porta, SARA me disse que não havia mais ninguém . Ato contínuo, falou que ela prápria precisava me contar uma coisa.

Pedi que para se explicar melhor.

- Olha, estou muito envergonhada mas eu preciso contar uma coisa pra VOCÊ.

- Vamos lá SARA... coragem !!! ( A minha curiosidade e a minha excitação aumentavam exponencialmente ) .



- Sabe o que é ? Ontem eu tive um sonho com você, e quando entrei sala hoje fiquei meio perplexa e cheia de tesão, na qual fui ao banheiro e me toquei, qdo derrepente escorreguei e cai, e acho que me machuquei...

- Você poderia ver se ficou alguma marca?

- Claro que sim SARA . Venha cá ! – e a conduzi para perto da mesa .

- Acho melhor eu ficar de pé do seu lado... assim VOCÊ consegue ver melhor .

Achei que ela apenas abaixaria um pouco o cás da calça , apenas o suficiente para que eu visse o local . Qual não foi a minha surpresa quando ela simplesmente tirou a calça e a calcinha ficando de costas pra mim ... aquela bundinha maravilhosa... aquele monumento, aos adoradores de um traseiro bem fornido e bem desenhado ... aquele rabo gostoso !!!

Me olhando bem firme disse :

- VOCÊ não vai apalpar? É bem aqui ... me mostrando com a mão espalmada toda a nádega de um lado .

Do mesmo jeito , espalmei a mão e empalmei a bunda . Enchi minha mão com aquelas carnes gostosas e perguntei :

- Dái aqui SARA? É aqui ? E aqui, também dái ?

- Não, aí não !! tem que continuar pra eu ver onde é ...

Ouvi a safada respirando forte e vi que estava de olhos fechados .

A razão me abandonou e sem pensar beijei a bunda da minha patroa ... beijo interrompido apenas pra que eu escutasse o gemido que ela deixou escapar ...

- Ai que gostoso ... não sabe da vontade que eu tenho de você...

Sem responder passei a beijar toda a bunda e a enfiar a língua no reguinho perfumado e macio . Meu pau parecia que ia explodir .. a calça não ia aguentar muito tempo .

Fui levemente forçando as suas costas para baixo , fazendo com que ela ficasse de barriga no divã, o que abriu suas nádegas e expôs o cuzinho mais rosadinho que eu já vi.

Piscava com as minhas linguadas enquanto a dona dele rebolava pra mim.

- Ai, faz mais , continua , vai ! Não para !

- Come meu cuzinho .. vai meu gostoso ! Põe em mim essa piroca gostosa !

Nunca imaginaria a SARA falando assim e estava achando tudo muito excitante !

Abri a calça e tirei a verga pra fora .. já estava toda melecada e encostei na portinha .

- Não ! Não ! Eu quero aquela pomadinha e que não tem anestésico !

Susto geral pra mim . A safada sabia que aquela pomada servia pra comer cuzinho e agora eu também sabia porque .. SARA ! SARA ! Quem diria ... rssss!!

Abri a gaveta , peguei o tubo e apliquei no anelzinho lindo e na cabeça do caralho pulsante .

- Agora me come meu macho gostoso !!! Vai !! Mete forte !!!

Não esperei um segundo chamado e comecei a forçar a entrada . Forçar gostosamente ...bem devagar ela nâo ofereceu nenhuma resistência e logo estava cavalgando a minha patroa tesuda e gostosa que gritava obscenidades e ordens explicitas .

Com uma mão livre comecei a brincar com a bucetinha escorregadia e extremamente cheirosa .. e em poucos instantes ela começou a gozar loucamente , rebolando com uma sambista e tendo espasmos no cuzinho que me levaram a insanidade. Agarrei a cinturinha estreita e numa estocada bem funda, firme e forte, gozei como nunca antes dentro dela em contrações que chegavam a ser dolorosas de tão intensas .

Desabei nas suas costas ofegante e saciado ...

- Não sai não ... deixa amolecer aí dentro ..

- você me fez muito feliz ... precisava me sentir mulher dessa maneira .. comida , fodida com gosto ... obrigada !!

o pinto foi saindo lentamente e com ele um filete de esperma claro e nada de sujeira . A danada tinha lavado inteirinha antes de vir pra minha sala ... que premeditação , heim ?

Me deixei ficar na cadeira , simplesmente acabado e torporoso enquanto ela se arrumava e num lance inusitado, com os olhos insondáveis de sempre me disse :

- Até !! até mais a noite !! e não se esqueça de apagar as luzes ao sair !!

Continuo aqui nessa cadeira .. desarrumado e confuso ... pelo menos agora todos vocês sabem da cagada que eu fiz !!!!

se quizerem me add



[email protected]

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS



loirinha goatossa visNoiva dei meu cu ni churrasco da empresa meu marido tava la contoscontos eróticos relatados por mulheressexoconto erótico da cunhadarelato erotico gozando nas calcinhas da minha irmã casadaPeituda da sala conto erpyicopornoxota video casada fudendo com serventecontos sexo minha esposa nossa vizinha travesti novinhacontos eroticos de irmã chupando pinto pequeno do irmão novinho de idademe estruparam e me obrigaram a dar para o caseiro do sitioContosEroticos.ORG gay meu papai me pegou ainda pequenocontos era pra dar so uns amassosforcei minha esposa contosconto erotico comendo a massatorepeutaconto gay fodeno o caminhoneiro bebado do nordestetirando a virgindade da minha namoradaContos fui estud fud mãe e filhacontos espiano minha mae peitudaconto erotici curioda de senrtir im vibradormetendo A lingua na xaninha da novinha contos molhar buceta da patroa enquanto pega no sonocontos eroticos negao estuprou eu e meu maridocontos de meninas que adoram ser estrupadas por todos dà casacontos eroticos fui estrupada os bandido foderao ocu do meu namoradocontos de meninas que adoram ser estrupadas por todos dà casacontos eroticos homem da garagemconosco toma a porra de. macho na. bucetacontos de meninas que adoram ser estrupadas por todos dà casaru e a amiga da minha esposa contocontos eroticos amigas se mastubam juntas pela primeira vezcontoerotico sou senhora sou uma das piores vadiacontos eroticos fui castigadaconto porno mulher putacontos eroticos marido forca mulher a ficar com plug anal e vaginal o dia todocontos de meninas que adoram ser estrupadas por todos dà casacontos eroticos enteada esfregandocomi a velhaContos eróticos à força de negros brutosconto erotico mae negra coroa dando cuFui a depilação ela me lambeu contocontos eróticos arregaceiconto erotico de mae meu filho meu jumentinhotirei a saia da minhan e fudi com ela no banheiro pornodoidoa maninha me chomo pra tomar banho com ela minha primeira vezcontos eroticos namorada brava e virgemcontos eroticos gays meninos cuidando do amigo bebadoelena senta na pica duracontos de menininhas sentando no colo de homenscanto erotico trai meu noivoMeu marido deixa meu patrão fuder meu curelatos reais eróticos - saciada em casaconto erotico dei meu cu na garagemconto nao aguentei e fudi minha sobrinha de oito anosCasadas na praia contovideos contos despedida solteira punheta chupadaconto erotico sadomazoquismo estrupei minha amigaContos gay minha primeira vezconto erotico de pconto erotici de corno com pintudoquero ver um conto erótico do garoto bombadão da escola do pau de jumento transando no banheiro com amigoO amigo do meu namorado Contos eroticos teencontos eroticos traicao/corno namorada viciada em jeba no cuMe Estruparam No Banheiro da escola contos eroticos gaysConto erotico porteiro casadameu visinho me arombou meu marido nem desconfia contoscontos porno eu e meu amigo fudendo minha maecontos eroticos mijando na calcinha maeContos dando cu primeira vez no assaltocontos eróticos noracontos eroticos, cu de bebada nao tem dono me comeram a bucetacontos me arrombaramcomeu a mendigaconto levei minha mulher pra variossite onde posso encontrar contos eróticos com retrato contos eroticosioSou casada Minhas filhas me viram sendo fodida contocontos eróticos falando de orgia em faculdade de juazeiro do Norte bucetinha lisinha e meladacontoscasa de banho conto eroticopiru inchado conto xxxconto erotico anal deicontos eroticos de irmã chupando pinto pequeno do irmão novinho de idadeContos erotico dei pro meu amigo ra comer a namorada delecontos fode-me paicontos eróticos estuprotenns gemeno e gritanoContos eróticos assaltada e estupradaensinei a bater punhetacontos comendo o cu da sogrameu cachorro meu machoContor eroticos de sexo chupada dapererecacontos eroticos meu irmao e um jumentocontos gays picantes o filho da vizinhameu corno me levou pra africa contos eroticoscontos eroticos, minha mae deu a buceta no vizinho negro contos eroticos gay primeira vezmulher comenta como fodeu a buceta com teu sogro historia herotica como tudo aconteseumassagem no jogador conto bissexuais