Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

A SECRETÁRIA DO LABORATÓRIO

A SECRETÁRIA DO LABORATÓRIO II

Descansamos, abraçadinhos e conversamos sobre vários assuntos e trocamos idéias, confidências enquanto saboreávamos nosso vinho. Beijinhos declarações, toques, caricias e fomos nos excitando. Ela adorando ficar passando as mãos em meu corpo e também punhetando meu pau enquanto eu também retribuía todas as caricias, lambendo, beijando todo seu corpo e chupando e enfiando a língua naquela xaninha cheirosa e apetitosa de grandes lábios.

Abraçados fiz ela vir por cima, deitada ela mexendo “Huuum com é gostoso sentir o roçar do teu pau nas minhas coxas, na entradinha na minha bucetinha. Isto que não tenho com o corno, é o que gosto também. Entendeu agora quando falei que sentia falta de namorar. É assim, gostoso, ser livre, solta e gostar de sentir mãos, boca e pau apalpar meu corpo.”

“Tesuda que você é. Gostosa, vem cavalgar no meu pau, sua safada deliciosa. Bota meu pau dentro da tua xaninha apetitosa, gulosa.” Ela mexendo com os quadris, pegou meu pau com a mão esquerda e foi colocando na raxinha. “Quero sentir ele entrando devagar, eu controlando a penetração do teu pau, me fudendo, me comendo gostoso.” Levantei-a pelos ombros, para que ela ficasse sentada com todo meu pau cravado dentro daquela buceta, enquanto ela, ora mexia pra frente e prá, ora rebolava com as mãos entre seus cabelos, deixando saltado seus belos seios de pontinhas durinhas, os quais alisaava, apertava e dava beijos, chupava e mordia e voltava a ficar totalmente estirado na cama com a égua rebolando. “Huum que pau gostoso dentro, no fundo na minha bucetinha, como é delicioso sentir este pauzão envolvido pela minha xaninha, adoro fuder, adora ser bem comida e amada.”

“Marina, mexe e rebola, mas também pressiona os músculos da tua buceta, apertando e soltando meu pau.”. Como era novidade este tipo de exercício para ela, o chamado pompoar. Ela não tinha noção, mas aos poucos foi fazendo e quando apertava meu pau, ainda com os músculos pressionados, levantava devagar e depois soltava os músculos e também como os músculos pressionados, fazia meu pau penetrar lentamente na sua bucetinha que mais apertava ficava. Minhas mãos percorria todo aquele belo e maravilhoso corpo moreno com marquinhas de biquíni nos seios e na cintura. “Deliciosa, você Marina, tesuda, quente molhadinha. Vira de costas e deixa te comer.”

Ela virando de costas,ainda com a mão esquerda no meu pau. “Você tem um espelho?”.”Tenho um grande na porta do meu guarda roupa, por que?”

Levantando abriu um porta central do guarda roupa e surgiu um espelho grande. Sentado na borda da cama, chamei-a para ficar em pé e de costas para mim. “Vem sentando devagar, sinta e veja meu pau fudendo tua bucetinha.” Ela roçava meu pau na entradinha daquela xaninha. “Tarado, safado delicioso” Enquanto ia descendo devagar envolvendo meu pau com sua bucetinha. “Ai que maravilha sentir e ver este pau me comer, seu puto, seu safado, me come, me fode, aperta meus seios, sou toda sua, quero que me fode mais gostoso, mete este pau na minha gulosa e quente buceta.” Meu pau todo dentro da xaninha, enquanto eu mordia, lambia, beijava todas as partes do corpo que aparecia na minha frente e minhas mãos apertava, acariciava o corpo daquela vadia, da mulher puta livre, solta e super tarada. “Quero gozar meu gostoso, meu macho, quero homenagear com todo meu gozo esta pau que me come, que me fode perfeitamente. Este pau que liberou,q eu soltou toda a puta que sentia dentro do mim, me fode, safado.Me come toda meu macho gostoso.”. E gozando ela deixou o peso do corpo contra meu peito. Deitei com ela ainda por cima e como meu pau ainda dentro na buceta. Dava estocada, tirava, passava meu pau nos lábios da buceta daquela fogosa mulher. Quando senti que gozaria novamente, sai debaixo dela, deixando deitada com as pernas dobradas fora na cama e ficando ajoelhado sobre ela, punheteando meu pau e pegando sua cabeça, pedi “Vem cá minha deliciosa puta, abre a boquinha, vou te dar leitinho quente na sua boca, bebe toda a minha porra, vadia, puta, cadela.” “Me dá leitinho, gostoso, quero beber tua porra, sentir ela descer minha garganta, sua puta vadia está sedenta de porra, não bebi, mas quero fazer tudo que meu amante delicioso pedir e quer que eu faça.” Aumentando o ritmo, gozei na boca da vadia, da puta com feição de inocência bebia minha porra sem deixar uma gota cair. Lambendo os cantinhos da boca, engoliu toda a porra e depois ainda lambeu limpando todo meu pau. “Delicioso, gostoso como é bom tomar tua porra quente, vou querer sempre agora.” Deitei sobre sua cabeça enquanto ela continuava a mamar meu pau que amolecia preguiçosamente.

Lasca

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS



viadinhos com marquinha de fio dental que adorao treparc.erotico dormindocontos de meninas que adoram ser estrupadas por todos dà casacontos de cú de irmà da igrejacontos personal acoxando a cavala na academiaRabuda negra sendo enrabada em pe conto eroticoconto gosto de usar roupas femininasgay violentado contosContos eroticos o homem da oficina deixa eu ver o pau deleesposas depiladas na picina contosponei arrombando morena com tesaocontos eroticos peitos sadomasoquismoMARIDO PÉ DE MESA CONTOS EROTICOS VERDADEcontos erotico maridos camaradaprimos e primas transando enquanto os pais saíram totalmente PelotasContos eroticos casal maduro e pedreirocomtos de sexocontos que gozada ela deuconto erótico a namorado com mendigoconto interracial sítio esposa brancagarota pauzeraPorno contos incesto aprendendo tudo com papai e mamae,desde cedo,carinhososcomendo meu cunhadinho contoscontos erotico vi minha mae e minha irma dando ro mendingoconto sexo amigo do meu marido 2Contos dando leite na boqhinha da menininhaminha sogra pediu pra ver meu pintoconto durmindo e mamando pintocontos erótico- fui estuprada e gosteicontos de incesto minha sobrinha veio passar dois dias comigocontos de cú por medocoroa dona de banca em teresina dando bucetacontos eróticos isto e realsogra bundudacontos erticos do irmao com tesao por que a irma sentou no colo delemulatas do bundao e pitos caido gostosa.videornposscontos comi a irma gravida gostosa rabuda peludatrepafa de caronaRoludo arombando a mulher e o corno olhando ela gemerDOTADO ARROMBA A COROA ATE CHORAR CONTOcontos acordei louca para fuder com meu irmaocontos eróticos mamae no churrascoContos eroticos estorial, enfie o meu pau na buceta da minha irma ela dormindo e disperto eu dentroConto picante familia incesto agressivo bisexual agressivoconto irmã peladinha dentro de casamulher louca de tesão gozando no peito na boca o dedo na bocaconto erótico dei meu c* para o Jornal do Campocontos eroticos sentei no hugoFui Comida pelos colegas do colegios contoscontos eroticoso cu da cadelinhacontos mae queria manma meu pauSou casada mas bebi porro de outra cara contoscontos de meninas que adoram ser estrupadas por todos dà casamulhe sora no pau fudedobelas picas brancas rosinha gozando gaysConto erotico brincando de se contar palavras no ouvido com minha primacontos straponcontos eroticos cunhadoxcunhadacontos eroticos sou casada marido viajou eu dei comida para o mendigo em casadescobri que sou cornocontos eroticos maduras eu e minha amiga levamos no cu a mesma piça contos eroticos comi a casada carenteconto gay na academiacumendo a prima vingwmmulher leva enrabado de cachorrocontos de incesto dez anosconto erotico cdFoderam gente contos tennsporno gay contos eróticos pegando priminho inocentecontos erotico gay negro dando pra brancocontos descobri esposa dominador pé gostosofinalmente o telefone tocou conto erotico cornoingenua.contos eroticosconto erotico niseta bebadaconto.erotico minha tia baiana velhacontos eróticos meu sobrinho punheteirocontos eroticos namorada casa de praiacontos inocentes tapascontos gay cunhado dotado negro bebadocontos de cú de irmà da igrejacheguei da escola vi minha p*** s***** dando para o meu tio minha prima piranha s*****porno club conto eroticos de meninos gayscontos eroticos sequestronovinha safadinha dormindo com dedinho no cuzinho Freda puta mulher do meu irmão contos eróticoscontos bi minha tia me pegou dando pra o meu tiocontos eroticos peguei meu marido chupando os peitos da prima delecontos eroticos ccbporno conto relava aquele peito em mimcontos comendo gay na vielaO reencontro entre prima e primo minha paixão conto erotico